A Harmonia Fundamental do Ser

No fundo, o que nós estamos buscando na vida é uma razão para estabelecermos a harmonia fundamental de nosso ser - A FELICIDADE! Nesse processo de busca pela felicidade, o sofrimento acaba sendo um meio pelo qual nos confrontamos, e nos percebemos, em nossa experiência humana, com nossa natureza espiritual.

Mas o sofrimento não tem que ser o preço que temos que pagar constantemente para alcançarmos a felicidade.
 
O sofrimento é resultado de nossa ignorância na experiência que nunca fizemos antes, ou do apego que temos pelo ego. Portanto, ao repetirmos a mesma experiência, se ela gera o mesmo sofrimento, significa que ainda não aprendemos a lição ou ainda estamos apegados demais às expectativas do ego.

Se quisermos ser feliz, temos que ver sentido no sofrimento como mensageiro da alma solicitando mudança de atitude, para estabelecer a harmonia fundamental de nosso ser.

Experimente, só por um tempo, observar tudo sem interpretar nada e sem fazer julgamentos sobre o que vê, ouve e sente. Sente-se num banco de praça, num lugar qualquer, e apenas observe tudo o que está ao alcance dos seus sentidos - a paisagem local, as pessoas, as plantas, os animais, os insetos, as cores e a temperatura de toda a natureza que o envolve nesse momento.

Observe como a sua mente está programada para interpretar e julgar tudo o que vê.

Observe a harmonia que fundamenta todo funcionamento da vida, em suas mais variadas formas de manifestação.

Observe como a vida é fantástica, na formiga e no ser humano, na erva rasteira e na árvore mais alta, no mato que toma conta do jardim abandonado e na flor persistente que continua a embelezá-lo.

Se puder observar tudo sem nenhum julgamento, sem taxar nada como belo ou feio, certo ou errado, alto ou baixo, claro ou escuro, vai perceber a beleza da vida que flui em tudo; que tudo são só manifestações diferentes da mesma vida. 

E, pense um pouco:
De onde vem os referenciais que embasam as suas interpretações e julgamentos?
Quais são as suas referencias de belo e feio, bom a mau, certo e errado?
Você está pronto para abandonar tudo isso?
Você está pronto para abandonar seus muitos "eus"?
Você está pronto para esquecer de si mesmo, e viver uma experiência que transcende essas pequenas projeções de "eus", que formam um ego multifacetado?
Você está pronto para alcançar o EU mais profundo e verdadeiro por trás da sua história?


© 2019 - Luz da Consciência